terça-feira, 29 de junho de 2010

1 comentários

Cenas Clássicas

A primeira cena de "Estômago", de Marcos Jorge.


0

Ensaio Fotográfico

Visita à terra da Luz


Texto e fotos: Nathalia Cavalcante

Conhecer as terras do Ceará é uma experiência inesquecível. O estado, um dos mais ensolarados do país, também é conhecido por “Terra da Luz”. A beleza cearense não se restringe às belas praias, como a de Cumbuco, que fica a 41 Km da capital, mas tambéms é famosa pelas dunas, onde é possível passear de buggy. A jangada é outra opção para quem gosta de se aventurar no mar. Depois da praia, a visita ao Mercado Central de Fortaleza, o maior do Brasil. Lá toda a cultura cearense está à mostra. Próximo ao Mercado está a Catedral Metropolitana de Fortaleza. A arquitetura de estilo gótico-romano chama a atenção. O projeto foi do arquiteto francês George Mounier.Para relaxar, nada como conhecer as cidades do sertão central como Quixeramobim, uma das mais antigas cidades do Ceará, e Senador Pompeu com sua Barragem do Rio Patu, que cobre uma área de 1.007 km³. A riqueza da beleza natural e cultura nordestina se verificam em todos os lugares. A Teda Luz mantém suas tradições intactas.
0

Cinema Comentado




Cinema Novo
Texto: Nathalia Cavalcante
Fotos: Adoro Cinema

Na década de 50 nasce o movimento influenciado pelo Neo-realismo italiano e pela Nouvelle Vague. Surge através de um grupo de jovens que estavam frustrados com a falência das grandes companhias cinematográficas. Assim resolveram defender um cinema com mais conteúdo e menor custo. A ideia seria “Uma câmera na mão e uma ideia na cabeça”. Os filmes seriam voltados à realidade brasileira e com uma linguagem adequada à situação social do período. O Cinema Novo buscava a recuperação da história brasileira. Dentre os principais nomes do cinema desse movimento, merecem destaque: Cacá Diegues; Nelson Pereira dos Santos, com “Rio, 40 graus” e Glauber Rocha (fotos), com dois de seus filmes: “Terra em Transe” e “Deus e o Diabo na Terra do Sol”. Arnaldo Jabor também fez parte do movimento. O documentário “A opinião pública”, retrata o que a população, em pleno regime militar, espera para o futuro. Por se tratar de um movimento ”revolucionário” para a época e o momento político vigente no Brasil, o Cinema Novo sofreu repressão e censura, levando seus principais idealizadores ao exílio.
0

Tá na Trilha!

Tracks of My Tears, de Smokey Robinson e Mark Tarplin, na trilha de Platoon.


0

Na poltrona!

Cores de Almodóvar

Texto: Nathalia Cavalcante
Fotos: Adoro Cinema


Em 121 minutos, mais uma vez é possível prestigiar as cores de Pedro Almodóvar em Volver, de 2006, seu terceiro filme com Penélope Cruz. A atriz espanhola interpreta Raimunda, mãe de uma adolescente de 14 anos, que trabalha, incansavelmente, para manter a casa. Como se isso não bastasse, seu marido tenta abusar sexualmente de sua filha, que acaba o matando em legítima defesa. Depois da morte do marido, Raimunda une-se mais à filha. Sole, irmã de Raimunda abriga Irene, a mãe delas, que havia "morrido". A volta de Irene faz surgir revelações do passado. A partir daí desvendam-se segredos de família. Mesmo com essas tragédias, o diretor apresenta a trama com humor. Volver tem um enredo vivo, com personagens intensas. O longa-metragem recebeu uma indicação ao Oscar de melhor atriz pela atuação de Penélope Cruz.
0

Fora da Sala!


Praticar atividade física é uma decisão em conjunto
Para uma garantia de vida saudável não basta tomar a iniciativa, é preciso orientação

Nathalia Cavalcante
Fotos: sxc

Praticar exercício físico deveria ser sinônimo de vida saudável, se fosse realizado de maneira correta. O que poderia ser um bem para a saúde, pode acabar trazendo graves problemas. Se a atividade física for desempenhada sem orientação médica prejudica seriamente a saúde. A Mestre em Educação Física pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) Fernanda Santos da Costa afirma que para cada tipo de atividade física que uma pessoa deseja realizar, existe um exame específico. Os testes comuns são: o questionário de anamnse, ou seja, análise diagnóstica que verifica através do histórico pessoal e familiar possíveis complicações decorrentes de doenças crônicas, testes de capacidade cardiorrespiratória, testes de força, testes de flexibilidade e avaliação postural. Após isso, é necessário procurar o auxílio de um profissional de educação física para orientar em relação a sua prática. Ele realizará avaliações para verificar o nível de condicionamento, as limitações e capacidades do futuro atleta.
0

Valorizando a Arte!

Miguel Bakun

Texto: Nathalia Cavalcante
Colaboração Cinevídeo

O pintor paranaense Miguel Bakun, nasceu no interior do estado, em Marechal Mallet no dia 28 de outubro de 1909. O artista, filho de imigrantes eslavos, faleceu em Curitiba no dia 14 de fevereiro de 1963. Aos dez anos passou a viver em Ponta Grossa, onde aprendeu a trabalhar como alfaiate. Aos 15 anos ingressa na Escola de Aprendizes da Marinha, em Paranaguá, onde conheceu seu primeiro incentivador na arte, o marinheiro e artista José Pancetti. Mas, devido a uma queda do mastro do navio teve de sair e foi para Curitiba. Na capital paranaense conheceu Guido Viaro e João Baptista Groff, através do seu novo trabalho como fotógrafo ambulante. Viaro e Groff o incentivaram a pintar.
Além do reconhecimento, as telas também o ajudou a obter tecidos e sapatos. Apesar de não saber os princípios básicos da pintura, transparecia nos quadros sutileza e sabedoria ao escolher as cores. Bakun sabia porque era necessário pintar com tons cinzas-azuis, por exemplo. Paisagens que falam por si, cores próprias e sensibilidade à mostra. É possível ver a imaginação de Bakun em suas pinturas.

segunda-feira, 21 de junho de 2010

0

Espaço Porta Curtas

Vingança da Bibliotecária
Gênero Experimental
Diretor Santiago Dellape
Elenco
Catarina Accioly, Dijair Diniz, Galileu HC Fontes, Mallú Moraes, Maria José Brun
Ano 2005
Duração 5 min
Cor Colorido
Bitola 16mm
País Brasil
Local de Produção: DF
Prêmios
2º Melhor Curta no Festival universitário de Cinema e Vídeo de Curitiba 2006
Prêmio Walter da Silveira no Festival imagem em 5 minutos 2005
Melhor Curta 16mm no Mostra Taguatinga 2006
Melhor Filme Experimental no Olhares - Festival de Cinema e Vídeo da Universidade Federal de Viçosa 2006
Melhor vídeo no MOSTRA UNIVERSITÁRIA DE VÍDEO 2006


Festivais
Festival de Brasília
Festival Internacional de Curtas de São Paulo 2006
Goiânia Mostra Curtas 2006
Mostra de Curta-Metragem Fantástico de Ilha Comprida 2006
Mostra de Vídeo de Santo André 2006
Arraial Cine Fest 2006
Buenos Aires Rojo Sangre 2006
FAM - Florianópolis Audiovisual Mercosul 2006
Festival de Cinema Fantástico de Porto Alegre 2006
Festival Santa Maria Vídeo e Cinema 2006
Festival Cineme-se 2006
Festival Nacional de Vídeo de Colatina 2006
Mostra Audiovisual de Cambuquira 2006
Puchon International Fantastic Film Festival 2006
Festival Brasileiro de Cinema Universitário 2006
Mostra Nacional de Vídeo Universitário 2005
NÓIA - Festival Sul-Americano de Cinema e Vídeo Universitários 2005
Vide Vídeo 2006